Home   |   Caio Fábio   |   Notícias   |     Vem & VÊ TV   |   Loja Virtual   |   Download   |   Contato    |      En Español      In English

E-mail

Senha Pesquisa
 

 

Esqueci minha senha Ainda não tenho cadastro

Pesquisa avançada

Hoje, quarta-feira, 3 de setembro de 2014

CANAIS

Mensagens da Graça

In English

Cartas

A Mente de Paulo

Informativo

A Nueza da Alma

Reflexões

Devocionais

Histórias

Artigos

Opinião

Clássicos

Notícias - Brasil | Mundo

En Español

Vem & Vê TV

Cadastre-se

Manutenção do site

 

Você é a favor da redução da maioridade penal?

Sou a favor da redução

Sou contrário a redução

Sou a favor da redução para idade de 12 anos

Sou a favor da redução para idade de 16 anos

Sou a favor da redução para idade de 14 anos

 

Baixe gratuitamente, livros, mensagens e conteúdos diversos.

Faça agora mesmo o seu cadastro gratuito e receba informações atualizadas.

 

Página principal > Opinião

A+  |  A-  |  Imprimir  |  Download Abrir em nova janela   |   Enviar para um amigo

A ERA DOS CASAMENTOS ALIENÍGENAS

A formatação do texto está ruim? Clique aqui.

 

 

A ERA DOS CASAMENTOS ALIENÍGENAS

 

Jesus disse que assim como havia sido nos dias de Noé, assim seria nos dias da vinda do Filho do Homem. Então, aparentemente sem muita explicação, Jesus introduz o tema da rotina —“casavam-se e se davam em casamento” — como uma marca daquela época.

Entretanto, fica a pergunta:

Que casamentos de fato definiram a Era Pré-Diluviana?

A leitura do Gênesis deixa claro que o “casamento” importante daquela Era havia sido definido pela invasão alienígenas dos “Benai Elohim” [traduzido por “filhos de Deus”] possuindo fêmeas humanas muito belas.

Veja: [http://pt.wikipedia.org/wiki/Nefilins].

Até ao 5º século de nossa Era esta era a interpretação simples e prevalente do texto de Gênesis. Somente depois de Agostinho é que o texto passou a ser interpretado como o casamento de pessoas da descendência de Sete, filho de Adão, com as mulheres filhas de Caim, igualmente filho de Adão.

Nas “notas de rodapé” de meu livro Nephilim, pronto para download aqui no site, você encontrará as referencias bibliográficas e bíblicas para esta afirmação.

Portanto, a mudança interpretativa acontecida depois do 5º século, arbitrou tal interpretação baseada no fato que Jesus diz que os anjos não se casam e nem se dão em casamento; esquecidos que em Gênesis, a referencia é a anjos que se demonizaram pela desobediência [a 1ª queda de anjos explicitamente registrada na Bíblia], e não a anjos que, segundo Judas, permaneceram nos limites de seu domicilio, natureza, energia e dimensão, em obediência ao Criador.

Entretanto assim foi feito no 5º século, porém, sem qualquer explicação para o significado do texto, tanto nas palavras especificas que usa ao descrever o que houve, como também e, sobretudo, quanto a não levar em consideração o tamanho do impacto que o tal “casamento” entre esses dois grupos de criaturas inteligentes gerou na Terra, no planeta todo; os Benai Elohim e as filhas dos homens; e não os filhos de Sete com as filhas de Caim.

Entretanto, sendo honesto com a Bíblia, e não com o que seja considerado teológico/politicamente/correto, não dá para fugir do fato que o Gênesis garante que o Dilúvio veio como salvação para a humanidade em face da inseminação de elementos alienígenas na natureza humana; a ligação hibridizada entre os Benai Elohim e as filhas dos homens, entre elas as mais belas.

Por favor, leia Gênesis de 4 a 6 e tire as suas próprias conclusões.

Os Benai Elohim no VT são designados como “anjos” [como no livro de Jó] ou seres inteligentes e elevados; de natureza energética diferenciada da nossa, mas que, misteriosamente, conseguiram gerar filhos híbridos com os humanos; ao ponto de que se diz que tal coisa corrompera  todo o caminho humano na Terra; bem como, gerou uma raça de dominadores, de gigantes, de seres poderosos e superiores, os quais dominaram a antiguidade, e cujos ecos se pode ouvir na mitologia de todos os povos.

Outra hora ampliarei o tema e as suas implicações, mas hoje quero apenas simplificar.

Assim, ao falar dos dias de Noé como sendo semelhantes aos dias da vinda do Filho do Homem, e ao aludir a “casamentos e casamentos” como marca daquela hora...., possivelmenteJesus estivesse fazendo alusão ampla ao fenômeno ”casamento” tanto daqueles dias como também dos dias ainda por virem... No fim.

Portanto, o que se está falando é de um tempo de casamento como mistura.

Sim! Começa com o casamento em alternâncias sem significado conforme as monogamias sucessivas...; como também no espírito de mistura que existe hoje em geral, quando o acasalamento acontece entre mulheres e homens, homens e homens, mulheres e mulheres, entre humanos e animais; bem como, também, pode fazer alusão ao “casamento” entre cientistas e genes, na alteração crescente da natureza genética do homem [estamos entrando nesta era, para o bem e para o mal]; como também as “misturas” humano/mecânico-cibernética que acontecerão em breve, sendo apenas uma questão de pouco tempo; além do fato que os Benai Elohim estão soltos na intenção de fazer o que já fizeram antes..., só que agora com a cara desses tempos.

Nos dias anteriores à Vinda do Filho do Homem, uma das grandes marcas será a invasão dos Benai Elohim por todos os meios possíveis...

No fim a intenção tanto é fazer estatuas falarem [o inanimado ganhar inteligência — o inumano com inteligência humana], como também alterar o homem, seja “abduzindo-o” para o laboratório de engenharia genética e não apenas curando-o, mas, sobretudo, alterando-o; seja levando-o... para experimentos de natureza espiritual que altera o individuo.

 Portanto, uma das marcas dos últimos dias será alteração do homem como o conhecemos, e isto através das mais diversas formas de “casamento”.

Apenas uma opinião. Por isto postei no link "Opinião".

Posso ter uma, não posso? Sim! E sem que isto seja nada além de uma opinião. 

 

Caio

6 de abril de 09

Lago Norte

Brasília

DF

 

 

   

 

 

 


< Voltar

   

Compartilhe esta página

FACEBOOK DIGG DEL.ICIO.US TECHNORATI

Home   |   Caio Fábio   |   Notícias   |     Vem & VÊ TV   |   Loja Virtual   |   Download   |   Contato    |     En Español      In English

www.caiofabio.net  - Todos os direitos reservados. Política de privacidade e segurança